quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

O Pará Bonito! Praia do Jauari > no distante Município de Faro <.
(Tão distante e tão desconhecida...)
.
O braço de areia
aponta
o dia em água azul
tão fora de nossos dias
tão fora de nossos rumos...

Um dia
há de ser visitada
pelo urbano paraense
de férias
Do contrário
não é
o nosso quintal
a nossa casa distante
ofertada ao sossego

Faro
espera pacientemente
visitas

Por favor paroara
vinde
vinde agora
ouvir o assobio
do rio
chamando
os músicos do vento
para ensaiar
canções de paz

***

8 comentários:

Anônimo disse...

Ah, poeta! Felizes são aqueles que têm como varanda de suas casas uma praia tão limpa, tão branca e um lindo e límpido rio tão calmo. Bela imagem(miragem?) e belo texto.
Abrçs.Carla A.Prata

jac rizzo disse...

Querido Ronaldo, depois desse poema, dessas palavras tão doces e belas, quero agora ir a Faro, visitar essa Praia de Jauari, tanto quanto penso em ir embora pra Pasárgada, tal qual o poeta Bandeira...

Abraço saudoso da amiga

Jac.

Odara disse...

Que paraíso? Fica pras bandas de onde, Faro?

ubogea disse...

Companheiro que coisa linda ;Quando iremos visitar esse paraiso ;aniversário da Iô.

Anônimo disse...

Seu trabalho é lindo, poeta.Você mostra o nosso Pará bonito.

Fernada Pereira.

Anônimo disse...

Legal o seu blog, poetinha!
Acabei "passeando" por lugares maravilhosos desse Pará tão distante. Deve ser uma aventura chegar a esses lugares tão bonitos.Mas também não seriam paraísos, se estivessem tão próximos de nós, não é mesmo! Provavelmente o homem já teria transformado...
Não tenho dúvida de que visitarei sempre o seu blog.
Aninha Santana.

Neilce Santos disse...

Belíssimo poema, poeta Ronaldo, realmente há muito de nossa identidade espalhado por este Pará, de encantos e sons da natureza.
Belas palavras, profunda sensibilidade.
Abraços em S(saudade)
P.S. Copiei e colei para mostrar aos meus alunos.

Anônimo disse...

Teu blog poeta é inteligente e lindo.Fotos e textos se casam.E a gente se esquece do tempo virando as páginas do seu blog.Tanta coisa linda. Tanta coisa escrita com sensibilidade.Com paixão.Com alegria.Tudo em seu blog me fez muito feliz, poeta.
Beijos de Amanda Dias Pinheiro.