quarta-feira, 30 de setembro de 2009

Hoje é dia de Taberna


Diz o Edgar Augusto:quarta-feira, um dia aprazível...
É nele que já começa a soprar um gostoso arzinho de final de semana...
E completo:E dia de esvaziar a geladeira da Valda.
.
***

SaRaU

Poeta Wanda Monteiro > e o filósofo Benedito Nunes
Na foto:Alcyr & Yuri



Jeanne Darwich


terça-feira, 29 de setembro de 2009

Dira e Élida: As nossas Matintas Modernas


"Matinta está fora daquela imagem da velha, é uma Matinta Nova, misteriosa e, ao mesmo tempo, encantadora" (Declaração de Dira Paes
no Caderno/Magazine-Jornal Liberal)

As novas Matintas transbordam sensualidade. Seduzem como a Norminha. Élida e Dira >são bem metropilitanas.Élida é musa ambientalista do planeta. Dira é a atriz que hipnotizou o Brasil.
As duas tem o cheiro de mata e a suavidade dos igarapés.

Não estão deitadas em berço esplêndido...São guerreiras.
Élida: ativista ambiental. Dira: ativista cultural.
As duas são o sincero investimento ético-cultural-afetivo.
São discursos preocupados com a existência de uma sociedade que leve em conta as necessidades
efetivas do ser humano.
A arte, o trabalho, o sonho, contribuindo para a realização do homem.
Politizadas.Inteligentes.Belas mulheres.
(E como aprendemos na magia feminina...)

Passemos para o lado delas. Com armas e bagagens.Porém essa passagem tem que ser com armas, bagagens e ternura.

Para bem longe da política subalterna.
.

Na floresta humana:-o sonho é indispensável para uma realidade sem pesadelos....

***

domingo, 27 de setembro de 2009

Domingo


...não foi bem o domingo que ancorou em Thayane, mas Thayane é que navegou no domingo...
.
***
XVIII Festival do Açaí de Igarapé-Miri
Este ano o festival terá o lançamento das cobras do Jatuíra e da Ponta Negra

De 24 a 27 de Setembro de 2009, o Espaço Cultural de Igarapé-Miri será palco para a realização do XVIII Festival do Açaí.

.
O festival que já é tradição no município, este ano a coordenação disponibilizou um maior número de barracas para a formação da Feira do Artesanato e Praça da Alimentação, sem contar com Shows de artistas regionais, bebidas e comidas típicas, feiras, exposições, negócios, debates, cultura, lazer, oficinas, passeios de barcos em rios amazônicos e muito mais que trarão ao evento cerca de 15 a 20 mil pessoas.

.
A grande novidade deste ano é o lançamento do encontro das cobras do Jatuíra e da Ponta Negra; lenda local que é contada por dois bairros diferentes. As cobras serão apresentadas a população para que no próximo ano seja feita a disputa através de arte cênica, canto, dança, música e alegorias.

.

:: Serviço ::
XVIII Festival do Açaí
Data: 24 a 27 de Setembro de 2009
Local: Espaço Cultural do Município
Horário: Abertura – 17h às 22h
Outros dias – 06h às 22h
Entrada: Franca
Censura: Livre
Realização: Prefeitura de Igarapé-Miri
Secretaria Municipal de Cultura
.

***

sábado, 26 de setembro de 2009

Leitores:Boníssimo Final de Semana

Fotógrafo:
não adianta pedir pose ao vento de sábado
E nem exija da chuva
a hora certa de chover
.
Fotografe:
a cidade sem muros
o vôo da moça cortando a manhã
o guarda-chuva como ave
sob as nuvens reticentes...
.
E amanhã (domingo)
revelarás
a moça
parada no ar
em sua íntima alegria
e o guarda-sol
ao jeito de ave na gaiola
ao jeito de amor caçado
prendido
nas folhagens da mulher
.
(RF)
.
***

Inauguração

Clik sobre os cartazes >>vc vai vê-los ampliados.
.

sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Sexta

Isso, sim, é um convite para plantar com dois dedos, em dois minutos, - uma sexta para multiplicar por dois > a alegria de viver.
.
***

quinta-feira, 24 de setembro de 2009

E é apenas caminho


E é apenas caminho e sempre sempre
se povoa de gestos e partidas
e chegadas e fugas e quilômetros.
.
Poeta Carlos Drummond de Andrade
.
***

5 horas da tarde

(...) Ossos e flautas soam-lhe ao ouvido
às cinco horas da tarde
Por sua frente já mugia o touro
às cinco horas da tarde
O quarto se irisava de agonia
às cinco horas da tarde
De longe se aproxima a gangrena
às cinco horas da tarde
Trompa de lírio pelas verdes virilhas
às cinco horas da tarde
As feridas queimavam como sóis
às cinco horas da tarde
e as pessoas quebravam as janelas
às cinco horas da tarde
Às cinco horas da tarde
Ai que terríveis cinco horas da tarde!
Eram cinco horas em todos os relógios!
Eram cinco horas da tarde em sombra!
.
a morte brotou ovos na ferida
às cinco horas da tarde
.
Às cinco em ponto da tarde.
.
Poema de Frederico García Lorca:"Pranto por Ignacio Sánches Mejías."
.
***

Renan


Billy Blanco > o Show Inesquecível

Billy Blanco: Nesse poeta trabalham juntos, música e coração, para os aplausos de Belém.
Ninguém se banha duas vezes no mesmo rio, porque muda o rio ou mudamos nós, mas é impossível esquecer que todos foram banhados com a música de Billy.
Mudará o rio, mudaremos nós. Mas não mudaremos o Billy e as suas canções na história musical do Brasil .

Billy: paraense singular, do raro, do raríssimo, fez das cantoras e músicos > uma noite plural.

Billy extremamente afável com as intérpretes de suas canções: Lídia, Juliana e Nanna.
.
***

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Ciro 2010

Em pesquisa CNI/Ibope:Ciro empata com Dilma.
José Serra é o favorito com 34%. Ciro e Dilma com 14%.Heloísa Helena com 8% e Marina Silva com 6%.
.
O Ciro Gomes encontrou o Pil(l)ar da ternura (com a atriz Patrícia) para vencer as eleições?
.
***

Flores do mar

Flores: na botânica da alegria.
As flores do mar: Patrícia, Regina, Luiza e Juliana.
.
***

No ReLiCáRiO


Nego Nelson e o seu inseparável violão
Clik sobre o cartaz >>vc vai vê-lo ampliado.
.
***

terça-feira, 22 de setembro de 2009

Leveza

Que faz - em você -esta leveza?
.
***

Prefeito, dê o exemplo > Elias Ribeiro Pinto

" O prefeito Duciomar Costa poderia dar o exemplo (se é que ele ainda é capaz de servir de exemplo a algo sadio) e recomendar aos secretários municipais que neste dia 22 de setembro, nenhum deles saia de carro para trabalhar. Deverão usar transporte coletivo, ir de bicicleta ou a pé. O próprio Duciomar pode cumprir sua agenda a pé ou de bicicleta - aproveita e testa a sua popularidade. Isso se o prefeito der as caras no trabalho."
.
Jornalista Elias Ribeiro Pinto.
.
***

Caos na Saúde

Foto: Tarso Sarraf (Diário do Pará) O calvário dos pacientes e funcionários do Hospital Ofir Loyola.
***

AP promove prêmio de Literatura


Estão abertas até o dia 15 de outubro as inscrições para o prêmio AP de Literatura.
.
A segunda edição terá 4 categorias:
Contos
Crônicas
Poesia e
Infanto Juvenil
.
Para avaliar os candidatos foram convidados:
Otávio Avertano Rocha, Alonso Rocha, Hilmo Moreira, Sylvia Helena Tocantins, Edy-Lamar de Oliveira, João Carlos Pereira ( membros da Academia Paraense de Letras) e Ronaldo Franco (editor do blog).
.
Para os vencedores do concurso, além da premiação em dinheiro (R$ 3 mil para o pirmeiro colocado, R$ 2 mil para o segundo e R$ 1 mil para o terceiro), as obras dos ganhadores serão reuinidas e publicadas em um livro.
.
Inscrições abertas até 15 de outubro, na sede campestre da AP. O regulamento do concurso está disponível no site www.aponline.com.br
.
Mais informações pelo telefone: 31 81 99 74/ 99 75.
.
***

Ferreira Gullar

Na Bienal do Livro, no Riocentro, Ferreira Gullar finalizou sua palestra
entre abraços, aplausos e uma frase: "Melhor ser poeta do que ser bandido."
.
***

segunda-feira, 21 de setembro de 2009

domingo, 20 de setembro de 2009
























Vamos lecionar na Escola Bosque,
enquanto seu Lobo nos
enlouquece!

***

A ocorrência de perseguição a servidores concursados que se traduz em prática contínua de assédio moral nas dependências da Fundação Escola Bosque (Funbosque), em Outeiro, fez com que muitos servidores adoecessem de males puramente emocionais, como depressão e estresse.

A situação chegou a tal ponto e o número de servidores vitimados é tamanho, que o setor de Saúde de Trabalhador do Município de Belém (Ipamb) decretou intervenção na fundação.(Diário do Pará > 20/09/2009)


***

"Vocês não deveriam estar aqui."
(palavras da coordenadora pedagógica da Escola Bosque)


A inconformada pedagoga (seria temporária?) brinca de Deus.
.
Ela tenta derrubar os concursados com a secreta esperança de poder fechar a boca de quem questiona o ensino ali existente.

E com as provas do concurso em suas mãos, (como ela teve acesso a essas provas, de um concurso público?),disse:"Os candidatos que tiraram a nota máxima no concurso sequer deveriam ter passado na seleção".
.
Escancarou o modo de pensar primitivo que devora a inteligência. Estamos diante do discurso longe da lógica racional. Palavras que nos angustiam, cada vez que comprovamos que os que dirigem o ensino público se mantém numa zona infernal de produção de raivas, sem tomar consciência de que estão servindo à mentalidade opressora. (Ou cospem os seus desejos de êxitos reprimidos?)
.
No fundo, a pedagoga mostrou a necessidade de ter a ilusão do exercício do super-poder sobre os servidores concursados (e indesejados), que tiraram a vaga dos temporários que lá estão há 12 anos graças a apadrinhamento político.
.
Essa pedagogia, baseada em angústias, é um instrumento de controle apoiado no sufocamento do ensino criativo.
.
E é tão triste saber que não é possível lecionar na Escola Bosque...
Porque > o Seu Lobo Mau >come a criatividade.
.
Que pena!!!
.

P.S - Comenta-se nos bastidores da escola: a coordenadora pedagógica, que também coordena a Comissão de Avaliação de Estágio Probatório, praticamente não fica na Funbosque, aparecendo para trabalhar de 15 em 15 dias, apesar de contrato de exclusividade com a fundação. Pode?

.
(RF)
.

sábado, 19 de setembro de 2009

O tempo vestiu o destino da mulher



O tempo do piano, bordado e dote prepararam o destino da mulher.
.
Ah, o piano...Casa que se prezasse ostentava, em lugar de destaque, um vasto piano de cauda, importado da França ou da Alemanha: Bechstein, Pleyel, Steiway, Gérard.
.
E quase todas, quando casavam , traziam o piano como parte do imobiliário da casa.
.
As que aprendiam só para mostrar que eram "prestimosas" deixavam a música no primeiro mês de gravidez, e o piano era vendido "para auxiliar o parto".
As que não casavam continuavam a tocar com a janela aberta, na esperança de que se interessasse pela música um espírito de artista que passasse pela calçada. (Historiador Jorge Americano)

As roupas pesadas e desconfortáveis exibiam a beleza e o refinamento da mulher .
.
(Os vestidos eram guarnecidos de galões de veludo...)
.
O estilo de vida da mulher brasileira era exageradamente francês.







Na Constituinete de 1934, a participação feminina se acentua.
.
Vários artigos da Constituição de 1934 viriam beneficiar a mulher, reafirmando a regulamentação do trabalho feminino dos Decretos-Leis de 17 de maio de 1932.
.
Estabelece-se que "sem distinção de sexo, a todo trabalho de igual valor corresponde salário igual; veda-se o trabalho feminino das 22 horas às 5 horas da manhã; é proibido o trabalho à mulher grávida durante um período de 4 semanas antes do parto e 4 semanas depois; é proibido despedir a mulher grávida pelo simples fato da gravidez.
Nas fotos:Vestidos usados de 1934 a 1941
.
A moda, como a política, procura novos rumos.
.
"As mudanças de estilo obedecem a uma necessidade de variar a forma feminina, a fim de exibir, em momentos diversos, diferentes partes do corpo, e , assim, aumentar o poder
de atração sobre o sexo oposto"
(Mirian Moreira Leite > historiadora).
Ousados decotes desnudam as costas femininas.
Mas, nas ruas, as mulheres se contentam apenas
com eliminar a gola.
O estilo exige um corpo frágil, delicado e esguio.
Os atributos da nova mulher decretam
a redução dos seios e dos quadris, e os esforços na ginástica ajudam o "belo sexo" a adquirir a
silhueta da moda.


.

A maquilagem se acentua: pó-de-arroz, rouge e batom.
O resultado dessa mudança, foi a necessidade que a mulher sentiu de uma educação mais completa.
.

Os padrões morais transformaram-se rapidamente.
.
Foi num espaço relativamente curto que a nudez tomou conta das praias.Essa nudez era proporcionada por maillots mais
ousados, que mostravam os ombros e as coxas.

.
Os hábitos de vida norte-americanos e europeus penetravam no país, via Hollywood, provocando mudanças nas concepções de vida das classes médias e abastadas.
.
Os filmes americanos exibiam homens e mulheres incomparavelemente belos, vestidos por figunistas sofisticadíssimos
e levando uma vida fascinante.
Não podiam deixar de encantar as brasileiras, algumas das quais já começavam a se sentir independentes dirigindo seus próprios
automóveis.
.
Em 1960 os vestidos
acinturados foram para o fundo do baú.
.
Chegaram os vestidos chemisiers, com saias retas ou evasées,
decotes ousados e uma
écharpe no pescoço.
Desde então, a tendência de roupas com linhas alongadas não parou mais.

Os
tubinhos
substituiram babados e enfeites por franjas, espirais e correntes douradas.

A liberação atingia a praia e, em 1963, as moças desfilavam, pela primeira vez , com maiô duas peças.
Ainda não era o biquíni, mas já provocava escândalos
e desaprovação das famílias.
.
Nas fotos:
1.Vestido Chanel (1960)
.
2. Modelo francês com grandes estampas florais.Com saia balão, terminando
em tubinho.
3. Em meados dos anos 60, começa
a se disseminar a moda unissex.

A novidade veio de Londres,
centro do English Look
onde
boutiques como a Biba
(de Barbara Hulanick) vendiam
os
seus
produtos ao som de música pop

Em 1964, a VII Fenit
expunha, como curiosidade o monoquíni.
Estava vestido
num manequim de
borracha e não
obteve sucesso.
Os homens
comentavam que
já não havia mais com que sonhar, diante de peça tão ousada.
Em 1965:
as saias tornaram-se mais curtas,
numa moda rodopiante e alegre,
suave e viva ao mesmo tempo.
Hoje: O piano de cauda desapareceu das casas.
Uma outra cauda elas carregam em seu próprio
corpo. Dentro de minúsculos biquínis.Com o máximo de sensualidade.
.
Na praia elas desfilam os seus dotes.Sem a desaprovação masculina e com aplausos da família.
.
Tomando sol,
tomando os olhares dos pescadores de emoções.Sem censuras.
.
Mergulham e emergem a liberdade de serem versos
nas poesias do mundo.
.
Conscientes, afinal do que valem.
E agora aos homens igual no trabalho e em direitos. Para obter as mesmas oportunidades na vida.
.
***