domingo, 29 de março de 2009

Esse sofrimento seco


É difícil de explicar
esse sofrimento seco,
sem qualquer lágrima de amor,
que se comunica sem gesto
e sem palavras se invade,
se aproxima, se compreende
e se cala sem orgulho.

* Carlos Drummond de Andrade
.
***

2 comentários:

manuel afonso disse...

Já passava frequentemente por blog porque o achava cheio de qualidade, muita poesia e arte. Agora resolvi ficar mesmo seu seguidor para poder acompanhá-lo mais de perto.

Adriana disse...

drumond é sempre mais...a imagem combinaperfeitamente...