segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

Belém: No Clarão de Janeiro > RenasceCom Deus no rio
e anjos na canoa
.

(-anjos cansados
de serem ribeirinhos
de sombras tortas
mais reais que inventadas-)

.
na repetidíssima navegação
do existir...

.
(RF)
***

10 comentários:

José Carneiro disse...

Meu bom poeta: pelo que vejo, você começou bem cedo a criar novidades para os seus leitores, neste ano de 2010. Gostei dessa disposição, continue com ela. E com seus leitores e admiradores, entre os quais eu. Abs

SONHADORA disse...

2010 COM TODO O AMOR DO MUNDO...
BEIJO

papistar_nunes disse...

Pôxa, já tava com saudade das suas belas palavras e do seu olhar certeiro nas observações do dia a dia, como a silhueta dos nossos pobres irmãos ribeirinhos .Gostei também, da cor escura da foto,igual ao tempo que se avizinha para o mes de janeiro com suas chuvas constantes. Um beijo poeta, venha que venha nesse 2010.

Priscila Holanda, Prisca disse...

porque ele irradia tudo o que vê, toca, cheira, sente.
porque seu sol-riso é sempre FRANCO
porque inquieta são as centelhas de sua alma-menino
porque suas letras pulsantes arrebentam bem diante de nossos olhos e fazem um bem imenso ao coração.

Priska acerca de Ronaldo Franco e seu blog solar nestes dois anos de vida (é, isso aqui respira meus caros!)

Socorro Gonçalves disse...

Ronaldo, acho que quando nasceste, um anjo torto
desses que vivem na sombra
disse: Vai Ronaldo, semear palavras por esse mundo.
E não é que deu certo!!!
(parafraseando Drumond)
Boníssimo 2010 pra todos nós!!!

Anônimo disse...

Você é o melhor poeta do Pará. E um homem lindo.

Ester Gama

Anônimo disse...

Foto linda de nossa NY cabocla.rsrs
E seu poeminha, lindo poeta, fotografa a nossa realidade.

Beijos da Mracela Mourão (Uepa)

Anônimo disse...

Realmente tu sabes fazer poesia que me emociona, querido poeta.
Seus versos casam maravilhosamente com a foto.

Beijos
Bernadete Campos

Nega Cesária disse...

Tá vendo só.
Eu vejo, tu sonhas!

Anônimo disse...

Tu emocionas a cidade com teus versos, poetinha.
Beijos Aurora Assis