domingo, 18 de abril de 2010

Bota fogo > torcida !!! Pequenas lições que o futebol me ensinou
.
Gol de letra é injúria; gol contra é incesto; gol de bico é estupro.
.
O jogador vê; o craque antevê.
.
O passe é devoção; o drible, inspiração.
.
Para o craque, um palmo de campo é latifúndio.
.
Cria fama é deita na cama.
.
No futebol, matar a bola é um ato de amor.
.
A tabelinha é o triângulo amoroso do futebol.
.
Quem triunfa sem nobreza não perde, perde-se.
.
O torcedor de futebol é a encarnação da máxima de Jules Renard: "Não basta ser feliz. É preciso que os outros não sejam."
.

A perfeição do futebol não está, como o leitor imagina, dentro do campo; está certamente, na arquibancada. Ali, feroz ou silencioso, o torcedor exerce o seu dom divino de acertar sempre. Não erra um chute, não erra um drible, não erra um passe. E é precisamente essa soberana competência que o leva a vaiar o próprio ídolo que perdeu o gol; o gol que ele nunca deixou de fazer, lá de cima, chutando as pernas do vizinho.
Perdoai o moço que lhe chutou as canelas. Ele é apenas um homem que rompeu as obrigações e está aqui, agora, no estádio, reencontrando seu perdido eu de inspiração
- um pouco menino, correndo atrás da bola; um pouco poeta, correndo atrás da amada; um tanto guerreiro, buscando a glória no chão do rival; um tanto homem, fugindo do tempo que passa.
.
*Poeta Armando Nogueira
.
Hoje > Botafogo x Flamengo:

A santa agonia do campeonato carioca. Um para a vitória, o outro para a derrota.
A bola vai rolar: brinquedo mágico, forma perfeita, forma divina.
O domingo é esférico.
.
***

Um comentário:

Meméia disse...

Um Homem de Conhecimento Vasto! E sabia colocar beleza em tudo...na forma e no texto! Grande perda! Bjs