quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Os mistérios humanos

Por que motivo reconhecer uma pessoa ao longe sempre nos induz a um movimento interior de doçura e piedade?
Por que essa ternura violenta dentro de você,e essa admirável compaixão?
.
Às vezes, trata-se de um simples conhecido. Você o reconhece de longe em um circo, um teatro, um campo de futebol, e é impossível não infantilizar-se diante da visão.
Até para com os nossos inimigos, para com as pessoas que nos são antipáticas, a distância, em relação ao desafeto, atua sempre em sentido inverso.
.
Ver um inimigo ao longe é perdoá-lo bastante...
.
* Paulo Mendes Campos
.
***

Um comentário:

Meméia disse...

Amo esses Mistérios Humanos!
E reconhecer ao longe, à distância, é, incrivelmente, reconhecer que estamos andando no mesmo pedaço do céu...
Ficando mesmo mais fácil perdoar!
E quando eu perdoo, eu melhoro o céu e o mundo que você vive...
Parabéns, Poeta Querido! Beijos