sexta-feira, 21 de novembro de 2008

Palavras de Fernando Pessoa.

* "Somos forças porque somos vidas. Cada um de nós tende para si próprio com escala pelos outros. Se temos por nós mesmos o respeito de nos acharmos interessantes, toda a aproximação é um conflito. O outro é sempre o obstáculo para quem procura. Só quem não procura é feliz; porque só quem não busca, encontra, visto que quem não procura já tem, e já ter, seja o que for, é ser feliz, como não pensar é a parte melhor de ser rico."
.
* "O amor quer a posse, mas não sabe o que é a posse.
Se eu não sou meu, como serei teu, ou tu minha?
Se não possuo o meu próprio ser, como possuirei um ser alheio?
Se sou já diferente daquele de quem sou idêntico, como serei idêntico daquele de quem sou diferente?
O amor é um misticismo que quer praticar-se, uma impossibilidade que só é sonhada como devendo ser realizada."
.
* "Eu não escrevo em português. Escrevo eu mesmo."
.
* "A vida seria insuportável se tomássemos consciência dela."
.
* "Existir é desmentir-se. Não há nada mais simbólico da vida do que aquelas notícias dos jornais que desmentem hoje o que o próprio jornal disse ontem."
.
* "Todos temos por onde sermos desprezíveis.
Cada um de nós traz consigo um crime feito ou o crime que a alma lhe pede para fazer."

***

Um comentário:

Adina Bezerra disse...

"A vida seria insuportável se tomássemos consciência dela."

é... "contra mim, próprio pelejo, que Deus me defenda de mim".(de Malba Tahn)